Carregando
Página inicial »Exatas » Engenharia Metalúrgica » [PMT3505-2] Tópicos Selecionados em Metalurgia Mecânica

[PMT3505-2] Tópicos Selecionados em Metalurgia Mecânica

Ordenar por:    Aula   |   Título   |   Por data (mais novo ao mais antigo)
10 vídeos disponíveis nesta disciplina

Vídeos

Nessa aula são discutidos os aspectos históricos que levaram ao desenvolvimento da disciplina, além dos critérios de avaliação.
Nessa aula usamos o capitulo escrito pelo Prof. Paulo Cetlin e colaboradores para induzir uma discussao sobre as diferentes causas de heterogeneidades de deformacao em uma escala do continuo. Na segunda parte iniciamos uma discussao sobre o projeto experimental, que esse ano sera apenas isso, um projeto.
Nessa aula discutimos a distribuição heterogênea de deformação plástica em uma liga metálica, mas desta vez nos concentrando nos aspectos microestruturais. Isso permite fazer um paralelo interessante com o discutido na primeira aula, em que tratamos da deformação heterogênea em uma escala mais macroscópica, em um contexto de mecânica do contínuo.
Nessa aula usamos o capítulo escrito por Fúlvio Siciliano Jr para discutir a deformação plástica a quente e seu impacto na laminação controlada de aços.
Nessa aula usamos o capítulo escrito pelo Dr. Marcelo Gonçalves do IPT para refletir sobre o processamento termomecâncio de alumínio e ligas. Em comparação com com o caso dos aços, tratados na aula anterior, agora as partículas assumem uma importância grande. Semelhanças e diferenças nos processos e no controle do processo são discutidas.
Nessa aula nós nos concentramos em um processo de conformação especial, denominado "equal channelangular pressing" (ECAP).. Trata-se de um processo de deformação plástica severa em que otarugo é passado por uma matriz que apresenta mesma seção de entrada e de saida, mas que possui uma brusca variação angular em seu meio. Usamos para tanto primariamente o artigo de revisão de Valiev e Langdon, publicado em 2006, mas estendemos para resultados mais recentes e para outros processos de conformação.
Nesta aula usamos o capítulo 3 do livro para induzir uma discussão sobre texturas cristalográficas e as ferramentas usadas para caracteriza-las. Na primeira parte nos concentramos em definir o que e textura e como ela é caracterizada e representada. Na sequência partimos para discutir texturas de deformação desenvolvidas em metais com estruturas CFC e CCC e brevemente em titânio, como um representante de metais com estruturas HC.
Nesta aula usamos o capítulo escrito pelo Prof. Fernando Landgraf no livro "Textura e relações de orientação" para discutir a importância da textura no desenvolvimento de propriedades megnéticas ideias para aços usados em núcleos de motores elétricos. Os diferentes aspectos, desde a perda de energia produzida no processo de magnetização e desmagnetização, desde os aspectos relacionados ao processamento mecânico, são discutidos com enfoque na textura cristalográfica da chapa.
Nesta aula nos usamos o capítulo escrito por Antenor Ferreira Filho para o livro "Textura e relações de orientação" para discutir o papel da textura cristalográfica na definição da estampabilidade de aços de baixo carbono, incluindo os interstitial free.
Nesta aula discutimos a relação da estrutura de discordâncias desenvolvida em cargas cíclicas, usando primeiramente resultados clássicos sobre Fadiga de Baixo Ciclo em monocristais de cobre orientados para monodeslizamento, passando pelo desenvolvimento de intrusões e extrusões e terminando em resultados detalhados de H. L. Huang que apontam para uma relação destas microestruturas com a propagação de trincas.
10 vídeos disponíveis nesta disciplina

 

Pró-Reitoria de Graduação
Telefone: +55 11 3091-9942