Carregando
Página inicial »Biológicas » Medicina Veterinária

Medicina Veterinária

Há 107 vídeos disponíveis em 28 disciplinas desta profissão
28 disciplinas relacionadas a esta profissão

Disciplinas

Conhecer os conceitos básicos e a metodologia utilizada no estudo das doenças parasitárias.
Entender a epidemiologia e compreender a patogenia das doenças parasitárias mais importantes dos animais domésticos.
Conhecer as técnicas mais utilizadas no diagnóstico laboratorial dos agentes parasitários.
Saber aplicar as medidas utilizadas na prevenção, controle e erradicação das doenças parasitárias.
Obter informação, através da bibliografia especializada, dos avanços científicos no âmbito das doenças parasitárias e aprender a realizar críticas objetivas.
•Estudar o mecanismo de ação e o uso clínico dos principais fármacos utilizados em anestesia;
•avaliação pré-operatória e monitoração no período peri-operatório;
•emprego de técnicas anestésicas nas diferentes espécies domésticas;
•proporcionar conhecimentos que possam promover melhores condições aos pacientes através do estudo de dor e analgésicos, fármacos vasoativos, fluidoterapia e reanimação cardiopulmonar.
Transmitir aos alunos os conceitos fundamentais da fisiopatologia da gestação e periparto, capacitando-os a realizar diagnósticos, tratamentos e manobras obstétricas em animais de companhia, ruminantes e eqüídeos.
O escopo da disciplina é a abordagem teórica multidisciplinar dos quadros nosológicos das diferentes enfermidades e síndromas mórbidos passíveis de tratamento que acometem as diversas espécies de animais domésticos.
Capacitar o aluno a aplicar os conceitos das relações gerais dos órgãos constituintes do corpo animal, prevendo o comportamento normal e suas variações no conjunto de estruturas das principais regiões corpóreas de interesse clínico-cirúrgico, possibilitando através do caráter aplicado a extrapolação de dados morfológicos regionais, como subsídio as áreas de aplicação.
• Desenvolver o pensamento crítico sobre a aplicação das biotécnicas reprodutivas no indivíduo e em rebanhos.
• Estudar e praticar as biotécnicas de uso rotineiro na reprodução dos animais domésticos, sendo elas: colheita e avaliação do sêmen, inseminação artificial, manipulação hormonal do ciclo estral e transferência de embriões.
• Estudar e praticar técnicas utilizadas para a preservação de gametas e embriões.
• Familiarizar os estudantes com tópicos avançados em biotecnologia da reprodução, sendo eles: manipulação e cultura de gametas, FIV, GIFT, ICSI, clonagem e transgenia.
• Estudar os distúrbios endócrinos, infecciosos e congênitos e as alterações celulares do sistema reprodutivo nos animais domésticos.
• Praticar exames clínicos no sistema reprodutivo de machos e fêmeas.
• Desenvolver a capacidade diagnóstica com base em avaliações clínicas e planejamento de planos de atuação sobre o animal ou sobre o rebanho.
• Treinamento em coleta de amostras e realização de testes laboratoriais complementares para a identificação dos problemas reprodutivos - animal e rebanho.
• Práticas em manejo reprodutivo nos animais domésticos: coleta de históricos, aspectos clínicos e conduta veterinária.
O ensino desta disciplina visa dar aos estudantes os conhecimentos fundamentais sobre fisiologia da reprodução para que os mesmos possam entender os processos reprodutivos das espécies domésticas e sua relação com a produção animal, torná-los capaz de promover a seleção de animais quanto aos aspectos reprodutivos e de promover manejo reprodutivo diferenciado para cada sistema de produção, dentro das atribuições de zootecnista. Fornecer uma visão ampla das novas biotécnicas aplicadas na reprodução animal.
A disciplina visa dar condições ao aluno de diagnosticar e tratar afecções de caráter clínico de eqüinos, através de aulas teóricas e treinamento em aulas práticas.
28 disciplinas relacionadas a esta profissão

 

Pró-Reitoria de Graduação
Telefone: +55 11 3091-9942