Carregando

Visões do Brasil, Século XIX - Aula 1 -Artes Visuais: Natureza e Escravidão na Obra de Taunay

por Lilia Schwarcz

Incorporar
Recomendar
Download
     
Gostei (8)

Formatos disponíveis

Assista a esse vídeo em: MP4 (640 X 480 px) | FLV (640 X 480 px)

Licença de uso

Acesso Aberto (Verde)
Esta licença permite ao usuário copiar o conteúdo do e-Aulas USP, porém veta qualquer alteração e/ou sua utilização para fins comerciais ou não educacionais, autorizando seu compartilhamento sob licença com as mesmas características, desde que se atribua crédito aos autores. Esta licença permite o download do vídeo para usuários logados no sistema.

Sobre a conferência

Em sua aula no ciclo de Artes Visuais promovido pelo Instituto de Estudos Brasileiros da USP, a historiadora Lilia Schwarcz traça um retrato singular do pintor francês Nicolas- Antoine Taunay. Nos cinco anos que passou no Brasil a partir de 1816 ele produziu cerca de 30 telas, e em quase todas elas representou a natureza e a escravidão. Taunay representava os escravos brasileiros como pequenas figuras, sempre no primeiro plano das telas, e sempre ocupados com alguma tarefa. Na segunda parte de sua aula a historiadora Lilia Schwarcz mostra que o gosto pelos detalhes aparece também nas obras que ele produziu na França, quando pintava para a corte de Napoleão.

Pró-Reitoria de Graduação
Telefone: +55 11 3091-3290