Carregando

Aula de Organização de Anfifilas - Módulo III Profa M. Vitória - Parte I

por Maria Vitoria Lopes Badra Bentley

Incorporar
Recomendar
     
Gostei (6)

Formatos disponíveis

Assista a esse vídeo em: MP4 (954 X 720 px) | MP4 (478 X 360 px)

Licença de uso

Acesso Simples (Azul)
Esta licença permite ao usuário somente assistir ao conteúdo do e-Aulas USP na plataforma, sendo vedada sua cópia e/ou redistribuição. Esta licença não permite o download do vídeo por nenhum usuário.

Sobre a aula

Apresentação de conceitos, aplicações, vias de administração, processos de obtenção.

Disciplina

CGF2047-3 Farmacotécnica, Tecnologia de Medicamentos e Cosméticos III

EMENTA

12. Sistemas Dispersos (Soluções, Emulsões e Suspensões)
12.1. Água
- Processo de obtenção e tratamento
12.2. Aspectos das formulações
- Termodinâmica de sistemas dispersos, energia superficial, aspectos energéticos das dispersões.
- Modificadores de solubilidade, viscosidade e de tensão superficial.
- Agentes emulsificantes e suspensores.
- Adjuvantes
- Métodos de preparo
12.3. Tanques, agitadores e hidrodinâmica proporcionada.
- Sistemas de alta tensão
- Sistemas de baixa tensão
- Ultrassom
12.4. Validação do processo
12.5. Estabilidade de formas farmacêuticas líquidas
13. Semissólidos
13Pomadas
- Aspectos das formulações: componentes de uma pomada.
- Tipos de bases
- Critérios para escolha da base
13.2. Cremes
- Aplicações
- Métodos de preparo
13.3. Géis
- Físico-química de polímeros
- Agentes gelificantes
- Géis de fase única e de duas fases
13.4. Equipamentos para preparação de semissólidos: agitação para sistemas muito viscosos: batedeira planetária e outros.
13.5. Validação do processo
13.6. Liberação e permeação de fármacos em função da base e da característica do fármaco
- pH
- Coeficiente de partilha
- Grau de penetração
- Grau de interação
13.7. Estabilidade de formas farmacêuticas semissólidas
14. Supositórios (supositórios, óvulos e velas)
14.1. Tipos e características das bases
14.2. Fatores relacionados ao fármaco que podem influenciar na qualidade dos supositórios
- Solubilidade em água e na base
- Propriedades de superfície
- Tamanho de partícula
- Quantidade
- Constante de dissociação
14.3. Métodos de preparo
- fator de deslocamento
- fator de densidade
14.4. Validação do processo
15. Reologia
15.1. Comportamento deformacional de líquidos, sólidos e semissólidos
15.2. Viscoelasticidade
16. Aerossóis
16.1. Definições
16.2. Formulações: sistema bifásico, trifásico e de gás comprimido
16.3. Propelentes e adjuvantes
16.4. Recipiente e válvulas
16.5. Dispositivos geradores de aerossóis
- Inaladores com Dispositivo Dosador (MDI)
- Inaladores de Pós Secos (DPI)
- Nebulizadores
16.6. Medidas de tamanho de aerossóis: tempo de voo, efeito Doppler, impactador de cascata.
16.7. Validação do processo
17. Estéreis
17.1. Qualificação da área física e do ambiente
17.2. Medicamentos extemporâneos, dose única, dose múltipla, liofilização
17.3. Processos de esterilização e liofilização
17.4. Embalagem primária, secundária e conservação
17.5. Estratégia de desenvolvimento de medicamentos estéreis e processos.

Objetivo

Capacitar o aluno com conhecimentos teóricos e práticos para o planejamento, manipulação, produção industrial e controle de qualidade de formas farmacêuticas líquidas, semissólidas, estéreis, aerossóis e supositórios e suas relações com vias de administração específicas.

Índice de vídeos da disciplina

  1. Sistemas de administração nasal e pulmonar (Parte I)
  2. Formas Farmacêuticas de Aplicação Retal e Vaginal
  3. Aula de Organização de Anfifilas - Módulo III Profa M. Vitória - Parte I
  4. Introdução Módulo III - Farmacotécnica
  5. Sistemas de administração nasal e pulmonar (Parte II)
  6. Aula de Organização de Anfifilas - Módulo III - Cristais Líquidos Profa M. Vitória - Parte II
  7. Aula de Medicamentos Estéreis e Injetáveis - Parte 1 - Profa M. Vitória Bentley
  8. Aula de Medicamentos Estéreis e Injetáveis - Parte 2 - Profa M. Vitória Bentley
Pró-Reitoria de Graduação
Telefone: +55 11 3091-9942