Carregando
Incorporar
Recomendar
     
Gostei (24)

Formatos disponíveis

Assista a esse vídeo em: MP4 (1152 X 720 px) | MP4 (576 X 360 px)

Licença de uso

Acesso Simples (Azul)
Esta licença permite ao usuário somente assistir ao conteúdo do e-Aulas USP na plataforma, sendo vedada sua cópia e/ou redistribuição. Esta licença não permite o download do vídeo por nenhum usuário.

Sobre a aula

Neste vídeo descreveremos o básico sobre a interação de neurotransmissores com receptores nas sinapses químicas.Serão descritos princípios da integração sináptica.

Disciplina

CGF2045-2 Fisiopatologia, Farmacologia e Química Farmacêutica I

EMENTA

Teórico
1) INTRODUÇÃO À FARMACOLOGIA
- Farmacocinética/Farmacodinâmica: dinâmica da absorção, distribuição, metabolização e eliminação de drogas e mecanismos de ação de drogas.

2) SISTEMA HEMATOPOÉTICO
A) Anemias e Policitemias
1. Definições
2. Anemias por diminuição da produção de eritrócitos
- Deficiência de nutrientes essenciais (ferro, B12 e ácido fólico)
- Deficiência de eritroblastos (anemia aplástica hereditária e adquirida; substituição da medula óssea)
- Anemia sideroblástica
Tratamentos: reposição com ferro, vitamina B12 e folato, transplante de medula óssea, biofármacos e terapias de suporte.
3. Anemias por aumento da destruição de eritrócitos
a) Anemias Hemolíticas por defeitos extrínsecos
- Mecanismos imunológicos
- Infecções
- Drogas e agentes químicos/físicos
b) Anemias Hemolíticas por defeitos intrínsecos
- Hereditários (deficiência de enzimas eritrocitárias; anormalidade qualitativas ou quantitativas da síntese de hemoglobina; anormalidades da membrana eritrocitária)
- Adquiridos (intoxicação por chumbo)
Tratamentos: Corticóides, terapias de suporte, fármacos citorredutivos, transplante de medula óssea e biofármacos.
B) Alterações leucocitárias
1. Benignas
2. Neoplásicas
- Bases moleculares das neoplasias hematológicas (leucemogênese)
- Leucemias (linfoides e mieloides)
- Neoplasias Mieloproliferativas
- Neoplasias Mielodisplásicas
C) Tumores sólidos
- Tumorigênese e biomarcadores tumorais
- Imunologia Tumoral
D) Introdução à Farmacologia
Tratamento: anti-neoplásicos; imunoterapia: interferons, TMO, terapias “alvo”.- Antineoplásicos e Pró-fármacos ADEPT

3) SISTEMA IMUNE
A) Imunodeficiências primárias e secundárias
Tratamento:
- Imunoglobulina endovenosa;
- Terapia celular e gênica;
- Transplante de medula óssea;
- Biofármacos (citocinas e anticorpos monoclonais).
B) Reações de Hipersensibilidade I,II, II e IV
Mediadores da resposta inflamatória e febril, prostanoides e leucotrienos
Tratamento:- anti-histamínicos
- Anti-Inflamatórios esteroidais e não esteroidais;
- Imunomoduladores (anti-TNF, anti-leucotrienos e anti-prostaglandinas);
- Biofármacos (Ex: proteínas, recombinantes, produtos naturais, citocinas e anticorpos monoclonais, vacinas);
C) Doenças Auto-imunes
- LUPUS, Artrite, Esclerose Múltipla
Tratamento
- Corticoides;
- Biofármacos.

4) RESPIRATÓRIO
A) Fisiologia do Sistema Respiratório
- introdução ao sistema respiratório
- ventilação pulmonar,
- troca de gases,
- transporte de gases no sangue,
- mecânica da ventilação,
- controle da ventilação,
- Fisiopatologia das Doenças do Sistema respiratório.
-Fármacos empregados no tratamento das doenças do sistema respiratório
Prático (Procedimental)
1. Contagem global de eritrócitos e leucócitos;
2. Determinação da concentração de hemoglobina e do índice hematócrito;
3. Contagem diferencial de leucócitos;
4. Avaliação morfológica de eritrócitos e leucócitos: normal e alterações;
5. Prick Test, PPD e PACHT test;
6. Imunofluorescência para diagnóstico de Lupus;
7. Interação droga-receptor;
8. Citometria de Fluxo.

5) Estudos sobre os mecanismos moleculares de ação e relação estrutura e atividade de fármacos aplicados ao tratamento ou que tenham atividade no Sistema hematopoiético, imune e respiratório.

Conteúdo de Patologia:
No item Sistema Hematopoético
A) Alterações do crescimento e da diferenciação celular
1. Controle normal do crescimento e da diferenciação celular;
2. Conceito, etiologia, patogenia, exemplos de ocorrência, prognóstico e aspectos macroscópico e histopatológico das alterações de crescimento celular: aplasia, atrofia (hipoplasia e hipotrofia), hipertrofia, hiperplasia;
3. Conceito, etiologia, patogenia, exemplos de ocorrência, prognóstico e aspectos macroscópico e histopatológico das alterações de crescimento e diferenciação celular: metaplasia escamosa, displasia epitelial, anaplasia.

No item Tumores Sólidos
1. Conceito de neoplasia e características das células neoplásicas;
2. Diferenças histopatológicas e clínicas entre as neoplasias benignas e malignas (grau de diferenciação celular, ritmo e modo de crescimento);
3. Progressão e metástase tumoral;
4. Regra de nomenclatura das neoplasias e etiologia da transformação neoplásica (enfermidade multifatorial, efeitos aditivos, agentes promotores e iniciadores, carcinógenos químicos, radiação, vírus, hormônios, envelhecimento, predisposição hereditária);
5. Patogenia da transformação neoplásica (mutação, translocação, amplificação, inativação, aumento de expressão: proto-oncogenes e oncogenes, genes supressores de neoplasias, genes de reparo de DNA, genes para apoptose);

No Sistema Imune
A) Inflamação e reparo
- fenômenos vasculares-exsudativos (mecanismo de instalação e manutenção do edema inflamatório, mediadores do aumento de permeabilidade venular e da dilatação arteriolar);
- exsudação de leucócitos (marginação e pavimentação leucocitária, moléculas de adesão leucócitos/endotélio, diapedese);
- sinais e sintomas cardeais da inflamação aguda (substrato fisiopatológico e mediadores);
- mecanismo da formação de pus;
-tipos de resposta inflamatória: aguda e crônica, local e disseminada, pseudomembranosa, catarral, granulomatosa (etiologia, exemplos, ocorrência);
- reparo (lesão tissular e limpeza, tecido de granulação, hiperplasias inflamatória e fibrosa, regeneração versus cicatrização).

Objetivo

Gerais: Capacitar os graduandos:
• a compreender os mecanismos celulares e moleculares envolvidos na fisiopatologia das principais doenças dos sistemas hematopoético, imune e respiratório;
• a identificar biomarcadores biológicos e alvos terapêuticos;
• a analisar criticamente os mecanismos de ação dos fármacos empregados no tratamento das doenças estudadas com base nos conceitos de farmacodinâmica e farmacocinética;
• A relacionar propriedades físico-químicas e estruturais a atividade biológica de fármacos, observada em diversas classes terapêuticas.

Índice de vídeos da disciplina

  1. Aula Fisiologia da Sinapse-Vídeo 1
  2. Aula 1-Parte 1-Introdução à neurofisiologia
  3. Aula 1-Parte 2-Sistema Nervoso Central
  4. Aula Fisiologia da Sinapse Vídeo 2
  5. Aula Fisiologia da Sinapse Vídeo 3
Pró-Reitoria de Graduação
Telefone: +55 11 3091-9942